Julia Quinn no Brasil – Eu fui!

Os Bridgertons são uma das famílias mais amadas da literatura atualmente. Digo isso sem medo de errar, pois os livros escritos por Julia Quinn e publicados no Brasil pela Editora Arqueiro são recorde de vendas. A própria editora, cativada pelo sucesso, já anunciou que comprou os direitos dos outros romances de Julia, mas ainda não se sabe quando serão publicados. Para os mais desavisados (leia-se: meus amigos lindos que vêm até aqui me dar uma forcinha), a Arqueiro publicou este ano uma nova série, chamada Quarteto Smythe-Smith. 

Quem já leu os Bridgertons treme ao ouvir esse nome. Trata-se apenas do evento mais temido (e ainda assim lotado) da alta sociedade londrina! Todo ano, o musical do Quarteto Smythe-Smith atrai uma audiência sofredora para a interpretação de uma obra. O detalhe: elas tocam terrivelmente mal e (algumas delas) sabem!

Não vou me estender na resenha dos livros, mas vou apresentá-los basicamente. Cada livro acompanha uma das musicistas que se apresentaram (ou que deveriam ter se apresentado) no concerto de 1824.smythesmith

– Simplesmente o paraíso conta a história de Honoria Smythe-Smith e Marcus Holroyd;

–  Uma noite como essa desvenda passado, presente e futuro do Conde de Winstead, Daniel Smythe-Smith e Anne Wynter/Annelise Shawcross;

–  A soma de todos os beijos (ai ai, o mais lindo) conta a história de Sarah Pleinsworth (filha de uma Smythe-Smith) e Hugh Prentice;

– Por fim, mas não menos importante, Os mistérios de Sir Richard descortina a vida de Íris Smythe-Smith e, bem, Sir Richard Kenworth.

Todos são maravilhosos como sempre mas tem resenha nos quatro cantos dessa internet, entretanto, quero me focar no evento que me deixou nas nuvens!

No dia 9 de março, foi realizada em São Paulo uma noite de autógrafos com a Julia Quinn! Depois das peripécias pra conseguir ir ao shopping às 10h para pegar senha (valeu, chefinho!), lá estava eu com uma das 300 pulserinhas distribuídas pela livraria Saraiva. A verdade é que isso foi um pouco melhor do que a sessão anterior, de O conde enfeitiçado, pois pude ficar conversando com várias meninas fora da fila e apresentando este blog para algumas pessoas.

Eis que conto tudo no vídeo abaixo. Sim, perdi a vergonha e botei a cara a tapa no primeiro vídeo:

E aí, o que achou? Tenho ou não tenho o direito de estar sendo a pessoa mais besta deste planeta?

Ah, e descobri que é Julia “cuim” e “smaite-smith”! #JeitoMauríciodeSouzadeEscreverInglês

É isso, depois de algum tempo e uns pequenos contratempos com a edição do vídeo, esse foi o meu encontro com a diva! Irrelevante para a maioria, mas precioso pra mim! ♥

Se tiver alguma sugestão, deixa aí nos comentários!

Não esqueça de curtir a página do Costurando o Verbo no Facebook!

One thought on “Julia Quinn no Brasil – Eu fui!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s